Reunião esclarece moradores sobre obras no Convento de Jesus

O projeto de requalificação da área envolvente do Convento de Jesus foi apresentado na noite de dia 25, quinta-feira, pelo Executivo Municipal aos moradores da zona, numa reunião que contou a presença do Presidente da União das Freguesias de Setúbal, Rui Canas.

De acordo com a Câmara Municipal, a intervenção já em curso vai permitir uma melhoria profunda nas condições do local, num investimento municipal de cerca de 1,5 milhões de euros, com financiamento comunitário de 65 por cento. As obras vão transformar o Largo de Jesus numa área destinada ao usufruto da população e a zona norte/poente com capacidade para duas centenas de lugares de estacionamento.

O parque de skate será transferido para junto do futuro campo de râguebi em construção na área da Várzea, zona da Algodeia, solução que, segundo o vereador Carlos Rabaçal, foi “decidida em conjunto pela autarquia e pelos utilizadores daquele equipamento”.

A intervenção na praça inclui a criação de um espaço verde, de percursos pedonais, de um plano de água elevado e de um banco ao redor de toda a zona verde para descanso e lazer.

A ampliação do adro, que será revestido com um novo lajeado de pedra, a criação de 18 lugares de estacionamento e a relocalização da paragem de autocarro são outras intervenções programadas no Largo de Jesus.

A obra é concebida numa lógica de prevenção de cheias, de modo a evitar que, em situação de intempérie, a água invada o convento. Por esse motivo, serão "colocadas pequenas comportas que abrem e fecham consoante a necessidade”, adiantou Lénia Mouro, diretora do Departamento de Obras Municipais da Câmara Municipal.

As traseiras do Convento de Jesus, entre a Cerca Pequena e a Cerca Grande, vão receber uma ação de reorganização do estacionamento com a criação de 161 lugares gratuitos, com pavimento em pedra, e a plantação de mais de uma centena de árvores, como laranjeiras, amendoeiras e oliveiras, e de arbustos de plantas aromáticas. O objetivo é fazer uma ligação histórica com os antigos pomares e espaços de cultivo existentes na cerca do convento.

A melhoria dos acessos ao Museu de Setúbal e edifício técnico, a instalação de mobiliário urbano e a criação de mais 41 lugares de estacionamento num terreno da Santa Casa da Misericórdia de Setúbal, onde também serão plantadas árvores de fruto, estão também incluídas nesta intervenção.

O projeto enquadra-se na requalificação geral do Convento de Jesus e área envolvente, assumida pela Câmara Municipal de Setúbal, que se substituiu ao Estado para estancar o processo de degradação do monumento e permitir a reabertura ao público. A requalificação geral do convento, composto por diversas fases, algumas por realizar, num investimento estimado em 12 milhões de euros, começou em 2012 com o restauro do núcleo museológico e o reforço estrutural da cobertura do monumento e do Coro Alto da Igreja de Jesus.

A segunda fase, em curso, contempla a recuperação da cobertura, do Coro Alto e da Sala do Capítulo. As terceira, quarta e quinta fases do projeto contemplam a recuperação das salas interiores do convento, que serão transformadas em núcleos museológicos, o restauro do restante edifício e a transformação do Balneário Paula Borba num edifício técnico de apoio ao convento.

Esta última fase representa um investimento de um milhão de euros que será alvo de uma candidatura a fundos comunitários no âmbito do Portugal 2020.

 

Fonte: Página Oficial do Município de Setúbal

 

Ir para Início